Tag Archives: vila chamusca

Soy loca por ti macarajé!
   Alessandra  Vieira  │     10 de setembro de 2016   │     8:00  │  3

macarajé-2-blog

Feito de macaxeira, o bolinho tem recheio de camarão, siri ou bacalhau

Sempre quis falar sobre o macarajé, criação premiada da baiana-alagoana Silvana Chamusca. Na verdade, sempre quis declarar – publicamente – meu amor a ele (secretamente, ele já sabe de toda essa minha afeição). Mas acontece que eu, realmente, precisava que o mundo também soubesse disso. Então lá vai: soy loca por ti macarajé!

mural-blog

Na casa da Jatiúca painel de Maria Lucia é uma explosão de cores

Feito de macaxeira e frito no azeite de dendê, o bolinho é uma versão mais leve, mais suave dos tradicionais bolos de acarajé, cuja base da massa é o feijão fradinho. Crocantes por fora, macios por dentro e recheados com camarões cremosos, siri ou bacalhau. É quase um crime!

ar condicionado-blog

No destaque, intervenção de Myrna Maracajá dá leveza ao “objeto estranho”

Servido em porções ou sendo uma das estrelas do Mix da Chefinha (dois macarajés, dois caldinhos de camarão ou polvo, dois pastéis de carne do sol com queijo coalho e dois bolinhos de feijoada recheados com bacon e couve), é a pedida perfeita para uma entradinha ou para petiscar. Acompanhado de uma cerveja bem gelada ou… bem, isso fica a gosto do freguês.

quadros-blog

Telas da artista visual Myrna Maracajá descontraem o ambiente

Eu sei, o macarajé é só uma das maravilhas servidas nos restaurantes de Silvana Chamusca e Adriana Just. Ainda tem a feijoada, o caruru, o picadinho com ovo poché, a moqueca de peixe, arroz de polvo, rabada (desossada com um molho todo especial), fritada de siri… comida com gosto de casa de vó, simples, mas com toque de chef. E uns mais elaborados, como os Lagostins na manteiga com champignon, alcaparras e batatas e o Risoto de camarão com leite de coco servido na cestinha de queijo parmesão (esses dois provei há alguns anos quando levei minha mãe pra conhecer o restaurante, em Ipioca). Todos deliciosos!

pilastra-blog

Myrna Maracajá também ilustrou as pilastras da casa com cenas humoradas

Em suas casas, tanto a de Ipioca quanto a da Jatiúca (as fotos são todas de lá), o cliente é presenteado, não só com uma das melhores gastronomias populares de Maceió, mas com uma seleção das melhores atrações artísticas musicais da cidade e também com aconchego, carinho e simpatia.

ambiente externo01-blog

Charme e aconchego na área externa do Vila Chamusca – Jatiúca

Prova disso são essas palavras de Silvana publicadas em sua página no Facebook que transcrevo agora. “Às vezes, acordo sentindo todo cansaço do mundo. Cansada de tanta hipocrisia e falta de solidariedade. Mas levanto e agradeço a Deus por mais um dia de luta e vida. Ser dona de restaurante não e fácil, assim como tantas profissões. Até a comida chegar à mesa do cliente a gente já foi ao mercado, tratou o alimento, preparou a comida, arrumou a casa. Vivemos numa época de pouco comprometimento. Cozinha é um ofício onde o amor está presente o tempo todo. A gente tem que estar com saúde, alegria e bem estar. Às vezes, falta alguém e num bistrô isto é fatal. Mas quando, depois de todo cansaço do ofício, começam a chegar os clientes e te abraçam com carinho, se alimentam, saboreiam e elogiam, você vê que vale a pena. Todos perguntam porque temos um lugar diferente e especial. É porque recebemos todos como se fossem amigos chegando em nossa casa e a receita para mim está na simplicidade e espontaneidade. Agradeço a nossos clientes amigos pelo carinho de sempre. Aos nossos artistas que alimentam a alma das pessoas e aqueles que estão comigo nessa jornada com compromisso e alegria.”

sócias-blog-PB

Em pé, Silvana Chamusca ao lado de Adriana Just, sua sócia

Veja também na edição deste sábado (10), na Gazeta de Alagoas.

 

MENU VILA CHAMUSCA

IPIOCA: Rua do Cruzeiro, 130 – Alto de Ipioca (Rua à esquerda da Igreja Nossa Senhora do Ó)

JATIÚCA: Rua Paulina Maria de Mendonça, 759 (entre a Álvaro Calheiros e a João Davino, rua que fica a sede do PMDB, antes da Creusa Cabelereira).
(82) 99993-1050 / 99106-2665

faxada-blog

SIGA

@vilachamusca

www.facebook.com/silvana.vila.chamusca

@blogsabores

www.facebook.com/blogsabores

Tags:,

>Link  

Risoto do Vila no Brasil Sabor
   Alessandra  Vieira  │     28 de abril de 2015   │     13:04  │  0

prato Silvana

Olha que notícia boa! Tudo certo para mais uma edição do Brasil Sabor, festival gastronômico que acontece simultaneamente em todas as capitais do Brasil há uma década. Alagoas está participando pela 9ª vez, e este ano com 34 restaurantes situados em Maceió, Arapiraca e Marechal Deodoro. É uma oportunidade bem interessante para as casas divulgarem seus produtos e de o público ter acesso a eles por um preço diferenciado. Na capital alagoana, um dos restaurantes participantes é o Vila Chamusca e o prato escolhido pela Chef Silvana Chamusca para participar do festival é o Risoto do Vila, primeira delícia criada por ela ainda durante a inauguração do restaurante, em dezembro de 2006. Agora em 2015 a receita foi revisada, sendo preparada com arroz arbóreo, queijo parmesão e todos os demais ingredientes colocados na medida. O festival acontece entre os dias 14 e 31 de maio, mas até lá você já pode ir treinando em casa o risoto da chef Silvana. Mas confesso que o ideal mesmo é ir lá no Vila conferir o original.

Aí vai a receita.

RISOTO DO VILA

Ingredientes

100 g de camarão médio; 70 g de arroz arbóreo; 50 ml de leite de coco; 100 ml de leite de gado; 30 ml de azeite; meia cebola ralada; 20 g de queijo parmesão ralado grosso; 75 gramas de queijo parmesão ralado fino; 300 ml de caldo de legumes e camarão; refogado de verduras (1 colher de sopa de tomates picado, 1 de cebola, 1 de pimentão, 1 pimenta de cheiro pequena, cebolinha, salsa); 1 colher de chá de açafrão em pó e se preferir uma pitada de estigma de açafrão; 1 camarão grande; 1 talo de salsinha (para decorar).

Modo de preparo

O ARROZ: Em uma sauté com teflon refogar o dente de alho com meia cebola ralada no azeite, colocar o arroz, continuar refolgando. Aos poucos vai colocando o caldo de legumes com camarão, vai mexendo suavemente, até conseguir o ponto do arroz arbóreo. (Em média 14 minutos em fogo de alta pressão médio). O CAMARÃO: Em outra sauté colocar as verduras refogadas com um pouco de azeite, refogar o camarão, colocar o açafrão, o leite de coco, depois o leite de gado, deixar cozinhar, por uns 6 minutos. (Fogão de alta pressão médio). A CESTINHA DE PARMESÃO: Na frigideira tefal pequena colocar o parmesão em forma circular quando conseguir uma forma quase dura tirar e fazer em forma de cesta. FINALIZAÇÃO: Mistura o camarão no coco ao arroz arbóreo, misturar por 2 minutos, colocar o parmesão ralado grosso. MONTAGEM: Colocar o risoto finalizado na cestinha de queijo e decorar com o camarão grande grelhado e os talos de cebolinha.

MENU

Brasil Sabor

Restaurantes de Maceió, Arapiraca e Marechal Deodoro

Entre os dias 14 e 31 de maio

Restaurantes participantes: http://www.brasilsabor.com.br/

Vila Chamusca

Rua Djanira Bezerra de Omena, 130 – Ipíoca

Telefone: (82)3355-1639

Maceió – AL

de quarta à sábado de 12h às 22h/ domingo e segunda 12h às 18h

Risoto da Vila: R$ 38 para 1 pessoa (durante o festival)

Tags:, ,

>Link